Delícia de Tudo



Buffet de Sopas no Deville Curitiba Batel está de volta


 

 

Estamos nos aproximando do inverno, das baixas temperaturas e dos dias úmidos e gelados. Pensando sempre na ideia de levar aos hóspedes e clientes o conforto de casa, o Deville Curitiba Batel volta a servir o tradicional Buffet de Sopas, a partir do dia 17 de maio, no Restaurante Alecrim. O buffet estará disponível todas as terças e quintas-feiras, para hóspedes e clientes em geral, com quatro opções de sopas e cremes, sendo a canja fixa no menu, sob o comando do Chef Carlos Castanharo.

 

Para acompanhar esse delicioso menu comfort food, uma exclusiva seleção de pães, opções de antepastos.  Sempre disponível no buffet dois tipos antepastos - como berinjela, grão de bico, feijão branco, miolo de zuccini; dois sabres de patês - tomate seco, azeitonas, peito de peru, linguiça Blumenau, alho porró; torradas neutra e pasta de alho; bruscheta sempre um sabor: berinjela e tomate, caprese, palmito e salsa; pão baguete e pão italiano servidos em tábua para corte; queijos e frios; sempre um sabor de pizza e acompanhamentos - salsinha, cebolete, alho poró e cogumelos frescos salteados, caponata, alho frito, molho pesto, tomate seco.

 

Uma deliciosa experiência por R$ 47,00 + 10% de taxa de serviço que deve se estender até o final do inverno na capital paranaense. O buffet é servido das 19h às 22h30. Reservas através do telefone (41) 3883-4777 ou do e-mail guestservice.cwb@deville.com.br O hotel fica na Rua Comendador Araújo, 99, Curitiba (PR), no início do bairro Batel, ao lado da Rua 24 horas.

 Lançamento.


O Empório  Arte & Vinho em Lançamento para todo o Brasil do seu club do vinho a Wine House confraria Business Clube do vinho.



Delicia de Tudo


Biscoitê lança o Biscoitea, o chá que vai bem com diversos biscoitos


O novo blend de maçã, canela, abacaxi, jasmim e baunilha chega para agradar os paladares mais exigentes

A Biscoitê, primeira boutique de biscoitos para presentes do Brasil, acaba de lançar seu “Biscoitea”, um delicioso chá piramidal preparado com maçã, canela, abacaxi, jasmim e a doçura da baunilha. Uma novidade muito aguardada pelos fãs da marca, já que a combinação entre o blend e os famosos biscoitos da boutique é perfeita, principalmente no inverno.

O Biscoitea apresenta-se em sachê piramidal, que possibilita combinações e utilização de pedaços de frutas, folhas inteiras e especiarias maiores, proporcionando uma pluralidade de sabor, aroma e textura, possibilitando ainda a identificação de todos os ingredientes que compõem o blend. Outra vantagem do sachê em formato piramidal é permitir que os ingredientes se movam livremente, hidratando e expandindo o máximo de sabor na xícara, o que deixa a experiência do chá ainda mais deliciosa e aconchegante. 

Com sua tradição milenar, o chá é a segunda bebida mais consumida no mundo, perdendo apenas para a água. Segundo uma pesquisa realizada pela Euromonitor, o brasileiro está consumindo 25% mais chá e levando em conta a preocupação com a ingestão de bebidas saudáveis, a tendência é que este consumo aumente ainda mais até 2023.

Sobre a Biscoitê

Fundada em 2012, a Biscoitê, rede especializada em biscoitos finos, nasceu da ideia do empresário Raul Matos. Matos já trabalhava no mercado de alimentos e era sócio de uma empresa, onde o negócio principal é a terceirização de biscoitos e cookies para grandes marcas. Visitando mercados internacionais conheceu muitas receitas e versões de biscoitos incríveis. Foi aí que surgiu a ideia de reunir todo esse conhecimento, as belas embalagens e explorar um mercado inédito no Brasil. A entrada da rede no franchising aconteceu em 2016 e foi eleita pela Endeavor uma das 15 marcas com maior potencial de crescimento no Brasil. Atualmente, conta com cerca de 32 pontos de venda distribuídos entre os estados de São Paulo,  Rio de Janeiro e Paraná. Para mais informações clique


Delicia de Tudo


Veganismo: conheça o movimento que vem ganhando a cada dia mais força no Brasil

O Açougue Vegano, primeira rede de restaurantes veganos do Brasil, foi criado junto com esse movimento e atrai públicos até que não abdicaram do consumo de carne

Uma pesquisa feita pelo Ibope e encomendada pelo Good Food Institute Brasil revelou que, em 2020, quase metade da população (47%) reduziu o consumo de carne nos últimos anos no Brasil. Essa mudança de hábitos se deu por muitos fatores como, por exemplo, a preocupação com o meio-ambiente e sustentabilidade e, principalmente, pelo interesse crescente das pessoas por assuntos ligados ao vegetarianismo e ao veganismo. 

Apesar de dialogarem entre si, há diferenças significativas entre o estilo de consumo desses dois grupos. De maneira geral, o vegetariano não consome proteína animal, já o vegano, além de seguir uma dieta restrita de carne, leite e derivados, também busca minimizar o uso de produtos produzidos a partir de origem animal, como roupas de couro,  ou cosméticos testados em animais. Até o momento, cerca de 7 milhões de brasileiros se declararam veganos (Ibope/2020).

Essa mudança na alimentação da população fez com que restaurantes e supermercados se atentassem e oferecessem opções de produtos veganos em seus menus e prateleiras. O Açougue Vegano, primeira rede de restaurantes veganos do Brasil, foi criado junto com o crescimento desses movimentos e oferece versões à pratos tradicionais que atrai até quem não abdicou do consumo de carne. Cerca de 58% dos clientes da rede não são vegetarianos e nem veganos.

Com receitas saborosas que vão desde refeições conhecidas pelos brasileiros, como a feijoada e o strogonoff, a rede possui uma variedade de pratos congelados, sanduíches e porções para agradar todos os gostos. Entre as especialidades da rede, está a coxinha de jaca, feita com batata e jaca verde refogada, o X-Vegan Melt, com hambúrguer produzido com grão de bico e a tradicional Moqueca de Banana, feita com leite de coco e azeite de dendê . 

 Sobre o Açougue Vegano 

Criada no Rio de Janeiro em 2016, é a primeira rede de franquias de restaurantes veganos do Brasil. Nasceu do encontro entre os amigos Celso Fortes e Michelle Rodriguez que, na época estudantes de gastronomia, começaram a elaborar receitas que fossem realmente saborosas e convencessem os paladares mais exigentes de que a carne não é assim tão essencial. As receitas impressionam até quem não abdicou do consumo da carne, que inclusive hoje representa 58% dos clientes da rede. Entre elas, a coxinha de jaca, premiada pela Sociedade Vegetariana Brasileira, o espetinho de soja, a feijoada vegana, a moqueca de banana da terra, além de uma linha de congelados para ser preparada em casa. Entrou para o franchising em 2019 e, atualmente, possui sete lojas.



Delicia de Tudo

Tecnologia ajuda restaurantes a gerirem negócios

Após um período de baixa por conta da pandemia, bares e restaurantes retomam o crescimento e se atentam para a importância da gestão centralizada.

 

Sistemas tecnológicos de gestão com automação e integração têm auxiliado as redes de Food Service a retomarem o crescimento após a desaceleração da crise causada pela Covid-19. Um exemplo é o de Brasília, que se prepara para retomar seu lugar de protagonismo no cenário gastronômico nacional com a ajuda da automação. O Distrito Federal é o terceiro maior polo gastronômico do Brasil, atrás apenas do eixo Rio-São Paulo.

Neste momento de expansão das operações, com a criação de espaços gastronômicos e a ampliação de redes de restaurantes no Planalto Central, muitas empresas têm recorrido ao uso de tecnologias para a gestão de seus negócios. São sistemas que possibilitam a automatização de processos para uma maior profissionalização, redução de atividades operacionais, ganho de tempo e aumento da produtividade, já que estes softwares permitem a análise do negócio e auxiliam na tomada de decisões assertivas.

“Optamos por investir em um sistema para ter mais controle e segurança nos nossos processos, principalmente na integração de nossas lojas por meio de um backoffice centralizado. Isto trouxe mais consistência aos processos e, também, tornou a gestão mais profissional e organizada”, contou Wender Fonseca de Oliveira, analista de redes e comunicação de dados do Mult, grupo que investiu em tecnologia para a gestão. O grupo é responsável pelo restaurante de cortes argentinos Caminito Parrilla, com duas lojas, o Nazo Japanese Food, também com outras duas lojas, e os restaurantes Eat! especializados em pokes e saladas.

A opção foi trabalhar com o EVEREST 3.0, plataforma de gestão especializada no Food Service, desenvolvido pela ACOM Sistemas, foodtech paranaense com expertise em gestão de cadeias de restaurantes – e que, inclusive, está expandindo a sua atuação para a capital federal devido à alta no mercado Food da região.

Segundo Eduardo Ferreira, CCO da empresa de tecnologia, “um dos pontos que mais tem atraído os clientes a procurarem o EVEREST é o fato de que é uma solução que centraliza não só a gestão de uma loja, mas de todas as lojas de uma rede, perfeita para o momento vivido no mercado brasiliense”.

Um exemplo trazido pelo especialista envolve a Gestão de Estoque, que vai desde o processo de compras que, pode ser centralizado ou por loja, passando pelas negociações com fornecedores, pela auditoria das notas de entrada até à manutenção dos estoques gerais da rede. O próprio sistema, a partir de Machine Learning, permite a análise por parte do gestor tendo em suas mãos informações detalhadas sobre as mercadorias, como custos médios, movimentações, quebras, índice de desperdícios; enfim, tudo para ajudar a tomar a decisão certa para o negócio.

“Necessitávamos de um maior controle de estoque e mais organização no agendamento de pagamentos. Os relatórios com certeza são o ponto principal da adesão do sistema em nossas unidades”, diz Aelson Souza Siqueira, gerente de logística e responsável pela retaguarda na rede Santé Bar e Restaurante, com duas lojas em Brasília, que também é dos proprietários do Açaí Artesanal, que possui cinco lojas.

Ferreira explica, ainda, que a gestão fiscal e financeira promovida pelo EVEREST também é integrada ao restante da operação e tudo o que acontece nas rotinas do negócio refletem diretamente nos números e apurações realizadas pelo sistema. As informações geradas podem ser administradas de forma individual, observando loja a loja, ou de modo consolidado, com relatórios que trazem um panorama completo da saúde financeira e contábil da empresa. Tudo isso fica acessível para as equipes responsáveis, sejam elas internas ou terceirizadas.

O processo de implantação do EVEREST é feito remotamente, seguindo o modelo user friendly, que permite a instalação sem a necessidade de parar a operação do cliente, ou seja, sem impactos nas rotinas do negócio. Por ser uma solução altamente especializada no Food Service, cada etapa do processo de implantação foi pensada e é conduzida para atender às mínimas necessidades do cliente, isso é possível porque a ACOM Sistemas conta com uma equipe que veio do mercado e conhece os principais desafios de quem quer evoluir no segmento.

As oportunidades que a ACOM Sistemas está encontrando na região do Planalto Central estão alinhadas aos desejos de crescimento da empresa, que estudou minuciosamente o cenário dos empreendimentos da capital federal e tem a certeza de que poderá contribuir, e muito, com o desenvolvimento deste importante polo gastronômico. “As empresas de Brasília possuem características com as quais estamos amplamente habituados. Grandes negócios, seja de uma loja ou uma rede de lojas, mas que possuem em comum o desejo de transformar sua gestão e elevar seus resultados a um outro nível”, diz Eduardo Ferreira, CCO da ACOM Sistemas.


Delicia de Tudo

 Curitiba Gastronomia 


Bar Cubano funciona de terça-feira a sábado, das 17h às 00h. A casa fica no tradicional Edifício Anita (Alameda Dr. Carlos de Carvalho, nº 15), no Centro de Curitiba. Mais informações no Instagram oficial da casa: @cubanocwb.



Comida de rua da Venezuela é celebrada no cardápio do Bar Cubano, casa curitibana especializada em gastronomia latino-americana. A clássica Arepa é bem comum e simboliza de forma saborosa a gastronomia de rua venezuelana, com um histórico que remonta culturas indígenas antes da chegada de colonizadores espanhóis. No bar da Curitiba, essa delícia conta com versões tradicionais e outras mais criativas, além de opções que podem ser montadas pelo próprio cliente.

 

Versátil e prática, a receita do preparo venezuelano é composta por uma massa de pão feita com milho moído, ou farinha de milho pré-cozido, com diferentes recheios, e não contém glúten. As Arepas da Casa no Bar Cubano são grelhadas, com pedidas prontas de combinações com uma pegada latina em seus ingredientes.

 

A Arepa La Reina tem frango desfiado com maionese e guacamole, enquanto La Catira conta com tiras de frango com queijo muçarela. A Masitas recebe cubos de pernil suíno com queijo muçarela. Há escolhas sem carne, como La Vegetariana (ovo mexido, feijão e queijo) e La Vegana (guacamole e maionese vegana). Cada uma dessas sai a R$ 15.

Gastronomia 

Dia do Milho: 3 coisas que você ainda não sabia sobre esse cereal

Além de trazer benefícios à saúde, o milho pode ser utilizado no preparo de receitas doces e salgadas

São Paulo, abril de 2022 – Saboroso, versátil e saudável. Essas três características só podem ser dele: o milho, o cereal mais cultivado no mundo. Com presença em diversas receitas e formas de apresentação, o milho faz sucesso não só em épocas festivas, como festas juninas, mas também na culinária típica brasileira com as famosas pamonhas, as espigas de milho vendidas à beira da praia e nas pipocas de cinema, que apresentam aquele cheirinho marcante que contagia.

Pensando nisso, o Dia do Milho, comemorado anualmente no dia 24 de abril, busca incentivar o consumo do cereal, que é considerado um dos mais nutritivos para a alimentação. A nutricionista do Comitê Umami, Graciela Vargas, conta que, além de estar presente em diversas receitas, o milho é um ótimo aliado na saúde dos consumidores, seja como antioxidante ou como fonte de energia.  “A cada 100 g, o milho conta com 28,6 g de carboidratos, 138 calorias, 3,9 g de fibras, 6,6 g de proteínas e é um cereal que não contém glúten”, ressalta Graciela.

Confira outros benefícios que você não sabia:

1- Fonte de energia

Rico em carboidrato, o milho é responsável por fornecer energia para o corpo, garantindo o funcionamento adequado do cérebro e do sistema nervoso. Para quem faz academia, o milho é uma ótima opção para deixar a energia lá em cima.

2- É um alimento umami

O milho contém 106 mg de glutamato livre a cada 100 g de cereal, sendo considerado um alimento rico em umami – um dos cinco gostos básicos do paladar humano. O umami proporciona benefícios à saúde como o aumento da salivação, o que auxilia o processo de mastigação, além de ajudar na digestão de proteínas.

3- Contém fibras em abundância

O milho é um excelente regulador da flora intestinal, prevenindo a prisão de ventre. Além disso, ajuda na regulação do colesterol no corpo e na redução dos níveis de açúcar no sangue.

Agora é hora de colocar a mão na massa e preparar as receitas que o Comitê Umami e a Mococa separaram para você! Tem opção para todos os gostos, confira: 

 

BRIGADEIRO DE MILHO VERDE 


BRIGADEIRO DE MILHO VERDE

Tempo de preparo: 45 minutos

 

INGREDIENTES

  • 1 lata de milho verde escorrida
  • 1 caixinha de leite condensado Mococa
  • 1 lata ou caixinha de leite integral 
  • 30 g de Manteiga Mococa
  • 30 g de mingau de milho
  • Açúcar cristal para polvilhar

PREPARO

  • Bata no liquidificador o leite condensado, o milho e o mingau de milho.
  • Passe a mistura em uma peneira e leve ao fogo até ferver.
  • Misture a manteiga e continue mexendo até soltar do fundo da panela.
  • Despeje em um prato untado e espere esfriar. Faça bolinhas e passe no açúcar cristal.

 

CREME DE MILHO COM RENDA DE PARMESÃO

Tempo de preparo: 25 minutos

Serve: 4 porções

 

INGREDIENTES

  • 1 colher (sopa) de óleo (15 ml)
  • 1 cebola pequena picada (100 g)
  • meia colher (chá) de glutamato monossódico AJI-NO-MOTO®
  • 3 espigas de milho debulhadas (300 g)
  • meia colher (chá) de sal (2,5 g)
  • 1 xícara (chá) de água (200 ml)
  • meia xícara (chá) de queijo parmesão ralado Mococa (40g)

 

MODO DE PREPARO

  1. Em uma panela média, coloque o óleo e leve ao fogo alto para aquecer. Junte a cebola e refogue por 3 minutos, ou até dourar.
  2. Retire do fogo e transfira para o copo do liquidificador. Acrescente o milho, o sal e a água, e bata em velocidade média por 2 minutos, ou até obter um creme.
  3. Coe com o auxílio de uma peneira, volte à panela e cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre, por 7 minutos, ou até engrossar. Retire do fogo e reserve aquecido.
  4. Em uma frigideira antiaderente média, espalhe o queijo parmesão e leve ao fogo médio por 2 minutos, ou até começar a dourar.
  5. Retire cuidadosamente com o auxílio de uma espátula e deixe esfriar até enrijecer.
  6. Quebre em pedaços grandes e sirva em seguida, como acompanhamento do creme de milho.

 

Para mais receitas, acesse: https://www.mococa.com.br/ e www.portalumami.com.br

 



Nenhum comentário: